Melbourne teenager’s faith is resurrected in North Clyde church’s resurrection church

Picture of Jenan Taylor

Jenan Taylor

Writer, Australia

Melbourne teenager’s faith is resurrected in North Clyde church’s resurrection church
English Español Français Português

Five years ago, a young adult told her father that she didn’t believe in God anymore. She remained an atheist until tragic circumstances arose, and her mother passed away. In the face of having her life turned upside-down, the Melbourne teenager came back to church, attending the newly-planted Proclaim Anglican Church in Clive North. There she came back to faith. Instead of disbelief, she is now attending a bible study, has Christian community around her, and sings (and even dances) during worship. She is filled with the hope that the gospel brings, and hopes that one day she will see her mother again because she finally sees the gospel as good news in her life.

This young adult might not have regained her faith and had her life transformed if the church hadn’t been planted in her community. What was previously Clyde North’s St Paul’s, shuttered in 1999 because of low numbers, was recently resurrected with a modernised approach, amid a residential boom.

As a country church in a small farming community with little more than 1,000 residents at the turn of the century, St Paul’s attendance dwindled until services were reduced with only 15 to 20 worshippers before it was closed. Now this area is a major growth suburb with a population of more than 40,000. The church re-opened on 5 February 2023, with Revd Reece Kelly commissioned as priest-in-charge. While St Paul’s North Clyde is still retaining this name formally to keep the sense of heritage, it is undergoing a re-brand to Proclaim Anglican Church to reflect the mandate they have.  

Reece said the church’s launch team had been searching for a place in the Clyde North area for two years, and felt blessed to have found the space after facing several challenges, with financing concerns topping the list.  

Their prayers had been answered when an anonymous donation covering three years of funding resulted in the Diocese of Melbourne approving the ministry presence of St Paul’s in Clyde North, he said.

In addition, a Berwick Anglican parishioner had donated musical equipment so that the church would be able to sing songs of praise from its first meeting.

But Reece said church plants in the suburb have experienced considerable operational limitations from several sources, including public schools and the local council.

That included having to start family services at 9.00am in an area where families tended to not be around at that time on a Sunday morning, he said.

He suspected that similar pressures had led to other denominations moving out of the neighbourhood.

“We want to make the point that the visible church may have disappeared, but the gospel has never left. It’s coming back. We’re rebranding it Proclaim Anglican Church which is inspired by Colossians 1:28. And we are desiring to be a big presence,” Reece said.

“Part of the history of Clyde North is that there once was an old Anglican church here. Now, by the grace of God, the Anglican church is coming back.”

He said more than 60 people, including the 40-person launch team, had attended a soft launch for the church in late November despite it not being advertised. As Reece says, clearly “there’s interest from people who live in Clyde North to actually want a church here,” and many, like this young adult, have and will come to find their lives transformed by encountering Jesus. 

Photo credits: provided by Proclaim Anglican

 

A fé do adolescente de Melbourne é ressuscitada na igreja da ressurreição de North Clyde
English Español Français Português

Há cinco anos, uma jovem adulta disse ao pai que não acreditava mais em Deus. Ela permaneceu ateia até que circunstâncias trágicas surgiram e sua mãe faleceu. Diante de ter sua vida virada de cabeça para baixo, a adolescente de Melbourne voltou à igreja, frequentando a recém-plantada Proclaim Anglican Church em Clive North. Lá ela voltou à fé. Em vez de descrença, ela agora está participando de um estudo bíblico, tem uma comunidade cristã ao seu redor e canta (e até dança) durante o culto. Ela está cheia de esperança que o evangelho traz e espera um dia ver sua mãe novamente porque finalmente vê o evangelho como uma boa nova em sua vida.

Essa jovem poderia não ter recuperado a fé e sua vida transformada se a igreja não tivesse sido plantada em sua comunidade. O que antes era o St Paul’s de Clyde North, fechado em 1999 por causa dos números baixos, ressuscitou recentemente com uma abordagem modernizada, em meio a um boom residencial.

Como uma igreja rural em uma pequena comunidade agrícola com pouco mais de 1.000 residentes na virada do século, a frequência de St Paul diminuiu até que os cultos foram reduzidos com apenas 15 a 20 fiéis antes de ser fechado. Agora esta área é um subúrbio de grande crescimento com uma população de mais de 40.000 habitantes. A igreja foi reaberta em 5 de fevereiro de 2023, com o Revd Reece Kelly comissionado como padre responsável. Embora North Clyde de St Paul ainda mantenha esse nome formalmente para manter o senso de herança, ele está passando por uma reformulação da marca para Proclaim Anglican Church para refletir o mandato que eles têm.

Reece disse que a equipe de lançamento da igreja estava procurando um lugar na área de Clyde North por dois anos e se sentiu abençoado por ter encontrado o espaço depois de enfrentar vários desafios, com questões de financiamento no topo da lista.

Suas orações foram atendidas quando uma doação anônima cobrindo três anos de financiamento resultou na aprovação da Diocese de Melbourne da presença do ministério de St Paul em Clyde North, disse ele.

Além disso, um paroquiano anglicano de Berwick doou equipamento musical para que a igreja pudesse cantar canções de louvor desde sua primeira reunião.

Mas Reece disse que as plantações de igrejas no subúrbio experimentaram limitações operacionais consideráveis de várias fontes, incluindo escolas públicas e o conselho local.

Isso incluía ter que começar os serviços familiares às 9h em uma área onde as famílias tendiam a não estar por perto naquele horário no domingo de manhã, disse ele.

Ele suspeitava que pressões semelhantes haviam levado outras denominações a saírem da vizinhança.

“Queremos enfatizar que a igreja visível pode ter desaparecido, mas o evangelho nunca foi embora. Está voltando. Estamos renomeando-o Proclaim Anglican Church, que é inspirado em Colossenses 1:28. E desejamos ser uma grande presença”, disse Reece.

“Parte da história de Clyde North é que já houve uma antiga igreja anglicana aqui. Agora, pela graça de Deus, a igreja anglicana está voltando”.

Ele disse que mais de 60 pessoas, incluindo a equipe de lançamento de 40 pessoas, participaram de um lançamento para a igreja no final de novembro, apesar de não ter sido anunciado. Como Reece diz, claramente “há interesse de pessoas que moram em Clyde North em realmente querer uma igreja aqui”, e muitos, como este jovem adulto, têm e irão encontrar suas vidas transformadas pelo encontro com Jesus.

 

La foi d’une adolescente de Melbourne est ressuscitée dans l’église de résurrection de l’église de North Clyde
English Español Français Português

Il y a cinq ans, une jeune adulte a dit à son père qu’elle ne croyait plus en Dieu. Elle est restée athée jusqu’à ce que des circonstances tragiques surviennent et que sa mère décède. Face à ce bouleversement dans sa vie, l’adolescente de Melbourne est revenue à l’église, fréquentant la nouvelle Église anglicane “Proclaim” à Clive North. Là, elle est revenue à la foi. Au lieu de l’incrédulité, elle assiste maintenant à une étude biblique, fait partie d’une communauté chrétienne et chante (et même danse) pendant le culte. Elle est remplie de l’espoir que l’Évangile apporte et espère qu’un jour elle reverra sa mère parce qu’elle voit enfin l’Évangile comme une bonne nouvelle dans sa vie.

Cette jeune adulte n’aurait peut-être pas retrouvé sa foi et sa vie n’aurait peut-être pas été transformée si l’église n’avait pas été implantée dans sa communauté. Ce qui était auparavant St Paul’s de Clyde North, fermé en 1999 en raison du faible nombre de fidèles, a récemment été ressuscité avec une approche modernisée, au milieu d’un boom résidentiel.

En tant qu’église de campagne dans une petite communauté agricole avec un peu plus de 1’000 habitants au tournant du siècle, la fréquentation de St Paul a diminué jusqu’à ce que les services soient réduits avec seulement 15 à 20 fidèles avant sa fermeture. Aujourd’hui, cette zone est une banlieue en pleine croissance avec une population de plus de 40’000 habitants. L’église a ouvert à nouveau ses portes le 5 février 2023, avec le révérend Reece Kelly nommé prêtre responsable. Alors que St Paul’s de Clyde North conserve officiellement ce nom pour garderle sens du patrimoine, il est en train d’être renommé Église anglicane “Proclaim” afin de refléter le mandat qu’ils ont.

Reece a déclaré que l’équipe de lancement de l’église cherchait une place dans la région de Clyde North depuis deux ans et s’est sentie bénie d’avoir trouvé l’endroit après avoir fait face à plusieurs défis, dont des problèmes de financement en tête de liste.

Leurs prières ont été exaucées lorsqu’un don anonyme couvrant trois ans de financement a conduit le diocèse de Melbourne à approuver la présence du ministère de St Paul’s à Clyde North, a-t-il déclaré.

De plus, un paroissien anglican de Berwick avait fait don d’équipement musical afin que l’église puisse chanter des chants de louange dès sa première réunion.

Cependant, Reece a déclaré que les implantations d’églises dans la banlieue ont connu des limitations opérationnelles considérables à cause de plusieurs facteurs, y compris les écoles publiques et le conseil local.

Cela impliquait de devoir commencer les services familiaux à 9 heures du matin, dans une zone où les familles avaient tendance à ne pas être là à cette heure-ci le dimanche matin, a-t-il déclaré.

Il soupçonnait que des pressions similaires avaient poussé d’autres confessions à quitter le quartier.

« Nous voulons souligner que l’église visible a peut-être disparu, mais que l’Évangile n’est jamais parti. Ça revient. Nous la rebaptisons Église anglicane “Proclaim” qui s’inspire de Colossiens 1:28. Et nous désirons être une grande présence », a ajouté Reece.

« Une partie de l’histoire de Clyde North est qu’il y avait autrefois une ancienne Église anglicane ici. Maintenant, par la grâce de Dieu, l’Église anglicane revient. »

Il a déclaré que plus de 60 personnes, dont l’équipe de lancement de 40 personnes, avaient assisté à un lancement en douceur de l’église fin novembre, bien qu’il n’ait pas été annoncé. Comme le dit Reece, il est clair que “les gens qui vivent à Clyde North sont intéressés à vouloir réellement une église ici”, et beaucoup, comme cette jeune adulte, ont et verront leur vie transformée en rencontrant Jésus.

 

A fé do adolescente de Melbourne é ressuscitada na igreja da ressurreição de North Clyde
English Español Français Português

Há cinco anos, uma jovem adulta disse ao pai que não acreditava mais em Deus. Ela permaneceu ateia  até que circunstâncias trágicas aconteceram e sua mãe faleceu. Diante de  estar com sua vida de cabeça para baixo, a adolescente de Melbourne voltou à igreja, frequentando a recém-plantada Igreja Anglicana da Proclamação em Clive North. Lá ela voltou à fé. Em vez de descrença, ela agora está participando de um estudo bíblico, tem uma comunidade cristã ao seu redor e canta (e até dança) durante o culto. Ela está cheia de esperança que o evangelho traz e espera um dia ver sua mãe novamente porque finalmente vê o evangelho como a boa nova em sua vida.

Essa jovem poderia não ter recuperado a fé e sua vida não ser  transformada, se a igreja não tivesse sido plantada em sua comunidade. O que antes era a  São Paulo de Clyde North, fechado em 1999 por causa da pouca participação  , ressuscitou recentemente com uma abordagem modernizada, em meio a uma explosão de novos residentes.

Como uma igreja rural em uma pequena comunidade agrícola com pouco mais de 1.000 residentes na virada do século, a frequência de São Paulo diminuiu até que os cultos foram reduzidos com apenas 15 a 20 fiéis antes de ser fechado. Agora esta área é um subúrbio de grande crescimento com uma população de mais de 40.000 habitantes. A igreja foi reaberta em 5 de fevereiro de 2023, com o Revd Reece Kelly comissionado como Pároco  responsável. Embora North Clyde de São Paulo  ainda mantenha esse nome formalmente para manter o senso de herança, ele está passando por uma reformulação do nome   para Igreja Anglicana da Proclamação   para refletir o mandato que eles têm.

Reece disse que a equipe de lançamento da igreja estava procurando um lugar na área de Clyde North por dois anos e se sentiu abençoado por ter encontrado o espaço depois de enfrentar vários desafios, com questões financeiras no topo da lista.

Suas orações foram atendidas quando uma doação anônima cobrindo três anos das finanças resultou na aprovação da Diocese de Melbourne da presença do ministério de Sao Paulo l em Clyde North, disse ele.

Além disso, um paroquiano anglicano de Berwick doou equipamento musical para que a igreja pudesse cantar canções de louvor desde sua primeira reunião.

Mas Reece disse que as plantações de igrejas no subúrbio experimentaram limitações operacionais consideráveis de várias fontes, incluindo escolas públicas e o conselho local.

Isso incluía ter que começar a celebração da família às 9h em uma área onde as famílias tendiam a não estar por perto naquele horário no domingo de manhã, disse ele.

Ele suspeitava que pressões semelhantes haviam levado outras denominações a saírem da vizinhança.

“Queremos enfatizar que a igreja visível pode ter desaparecido, mas o evangelho nunca foi embora. Está voltando. Estamos renomeando a Igreja Anglicana da Proclamação, que é inspirado em Colossenses 1:28. E desejamos ser uma grande presença”, disse Reece.

“Parte da história de Clyde North é que já houve uma antiga igreja anglicana aqui. Agora, pela graça de Deus, a igreja anglicana está voltando”.

Ele disse que mais de 60 pessoas, incluindo a equipe de lançamento de 40 pessoas, participaram de um lançamento para a igreja no final de novembro, apesar de não ter sido anunciado. Como Reece diz, claramente “há interesse de pessoas que moram em Clyde North em realmente querer uma igreja aqui”, e muitos, como este jovem adulto, têm e irão encontrar suas vidas transformadas pelo encontro com Jesus.

We can all
play our part!

Sign up for the Plant Anglican newsletter